O Romantismo

O Romantismo que surgiu por volta do século XIX. Século agitado por mudanças social, políticas e culturais causadas por causa da Revolução Industrial e pela Revolução Francesa. Ela se caracteriza por aderir os sentimentos, a imaginação, o nacionalismo e a natureza, através das paisagens. o Romantismo e historicamente situa-se entre 1820 e 1850. Os artistas românticos procuraram se libertar das convenções acadêmicas em favor da livre expressão da personalidade do artista.
O termo romântico foi empregue pela primeira vez na Inglaterra para definir o tema das novelas pastoris e de cavalaria que existiam nessa época. E pela segunda vez o termo romântico passou depois a ser adotado no movimento artístico-filosófico Romantismo, que seguiu as ideias políticas e filosóficas do século das luzes (liberdade de expressão e afirmação dos direitos dos indivíduos). O romantismo procura elementos rústicos e entrega-se às realizações espontâneas, o que dá origem à incorporação, na nossa cultura, de vários conhecimentos acumulados pelos povos primitivos ou que se desenvolveram longe da Europa civilizada. Com o regresso à Idade Média, o romantismo recusa as regras impostas pelas academias neoclássicas, pois estas eram inspiradas nos valores clássicos (ordem, proporção, simetria e harmonia).
A historia da Arte Romântica abriu assim caminho para novos valores e ideias, sendo os principais:
• O cultivo da fantasia, da originalidade, da fuga para o mundo do sonho;
• A exaltação da natureza;
• O individualismo, ou seja, aqui a visão do mundo está centrada nos sentimentos de cada individuo;
• Gosto pela Idade Média, que foi quando as nações se formaram;
• Defesa do nacionalismo, onde Deus e o mundo seriam uma só coisa;
• O subjetivismo, onde aqui algumas das características dos temas são exagerados, como por exemplo, a mulher é vista como uma virgem frágil e indefesa.
Arquitetura Românica: Na arquitetura românica, a horizontalidade nas construções foi uma das principais características. Ou seja, não eram estruturas muito altas. Diversas igrejas, mosteiros, conventos e catedrais foram construídas nesse estilo. Era utilizada a técnica do afresco, onde eram produzidas sobre uma parede úmida. Diversos murais, iluminuras e tapeçaria surgem com temas religiosos. Feitas em cores vivas e fortes, elas preenchiam as paredes dos templos religiosos. Isso porque na Idade Média, poucos sabiam ler e escrever e, assim, essas pinturas serviam de “alfabetização religiosa” para os mais leigos.
Arte Românica e Arte Gótica: Durante a Idade Média, dois estilos vigoraram: o estilo românico e o estilo gótico. Posterior ao românico, surge na Baixa Idade Média, o estilo gótico. o gótico esteve marcado pela verticalidade e monumentalidade de suas construções. Além disso, outra importante característica da arte gótica está relacionada com o uso dos vitrais em suas construções.
Você sabia???
Muitas construções românicas tinham o intuito de abrigar peregrinos, e por isso, foram erigidas nos caminhos de locais sagrados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *